Compartilhe, , Google Plus, Pinterest,

Imprimir

Postado em:

Como montar um food truck? Tudo o que você precisa saber!

Eventos e espaços dedicados às cozinhas sobre rodas, os chamados food parks, se multiplicaram país afora, atraindo uma nova leva de pequenos empreendedores em busca de um espaço no mercado.

Mais do que uma moda passageira de verões passados, os food trucks se tornaram um modelo de negócio sólido, que vem se expandindo ano após ano no Brasil.

Aqui, esse fenômeno ganhou força a partir de 2014.

De lá pra cá, eventos e espaços dedicados às cozinhas sobre rodas, os chamados food parks, se multiplicaram país afora, atraindo uma nova leva de pequenos empreendedores em busca de um espaço no mercado.

Embora o segmento de food trucks possa ser bastante rentável e uma ótima alternativa para quem deseja começar um novo negócio, é importante estar atento, porque pode não ser tão simples quanto parece.

A concorrência nessa área é cada vez maior e é preciso ter em mente que a disputa por uma fatia do mercado não se dará apenas com outros carrinhos de comida, mas também com lanchonetes, restaurantes e outros estabelecimentos do ramo.

Além disso, por mais incrível que possa parecer, as exigências legais para montar um food truck são bastante volumosas e, para atuar dentro da legalidade e evitar dores de cabeça e prejuízos, é preciso estar com todas elas em dia.

Pensando nisso, separamos algumas dicas para quem deseja montar um food truck e sair vendendo comidinhas gostosas pela cidade. Confira!

Manual de como montar um Food Truck de sucesso!

Alguns pontos são fundamentais para quem deseja ter seu próprio carrinho de comida.

Os principais são:

Burocracia

Apesar de ter uma proposta descomplicada, não podemos esquecer que food trucks são empresas que atuam no ramo alimentício.

Como tal, a legislação e a fiscalização que incidem sobre esse modelo de negócio são bastante exigentes e demandam certa paciência.

O primeiro passo é lidar com trâmites necessários para a abertura de uma empresa, como criação de uma CNPJ e registro junto à Caixa e às entidades representativas do ramo.

Nesse caso, caso possua até um funcionário, é possível registrar-se como MEI e aproveitar as vantagens de uma tributação menos onerosa.

Feito isso, o melhor caminho é uma visita à Prefeitura do município para verificar quais as exigências que devem ser cumpridas para conseguir o Alvará de Funcionamento e obter informações sobre a viabilidade para instalar-se no ponto desejado e a possibilidade de deslocar-se para outros locais da cidade.

Vale lembrar que ainda são poucos os estados e municípios que possuem uma legislação específica sobre os food trucks. Por isso, informe-se!

Em seguida, por trabalhar com oferta de comida ao público, é preciso também entrar em contato com a Vigilância Sanitária e averiguar as normas que devem ser seguidas e que resoluções devem ser cumpridas (como a RDC 49 e a RDC 216, por exemplo).

Além disso, food trucks são veículos e, sendo assim, é importante que eles estejam devidamente regularizados junto ao Denatran e ao Detran do estado.

Como se trata de um veículo adaptado, é obrigatório que as modificações sejam homologadas por meio de um laudo do Inmetro.

Por fim, como qualquer empresa do ramo, é preciso uma visita do Corpo de Bombeiros Militar para regularizar questões relacionadas à segurança.

Localização

A escolha do local é um fator fundamental para o sucesso de uma empresa.

No caso dos food trucks, mesmo que possam ir a diferentes lugar e participar de eventos, é preciso ter um ponto fixo próprio.

Para que essa escolha seja a mais acertada possível, é fundamental conhecer a região em que deseja instalar-se e o público que a frequenta, avaliando se há a demanda necessária para manter o negócio funcionando e quais as carências gastronômicas daquela área.

Também devem ser consideradas são as condições sanitárias e de segurança do local, bem como o fluxo e a facilidade de acesso para pessoas e automóveis.

Outro fator importante – e que muitos empreendedores esquecem – é a proximidade com a cozinha de apoio, lugar em que são feitos os preparativos e que serve como suporte para quaisquer emergências, como falta de ingredientes, água ou demanda muito elevada.

Cardápio

É preciso ter em mente que food trucks não são restaurantes.

Nesse sentido, um erro que muitos empreendedores cometem é montar um cardápio muito extenso, o que pode confundir e tomar tempo demais dos clientes.

Por isso, é importante trabalhar com um menu direto e enxuto, que facilite e torne a escolha mais prática e rápida.

Para isso, porém, é fundamental analisar a concorrência e ver o que outros food trucks da cidade estão oferecendo aos clientes.

Hambúrgueres, por exemplo, podem não ser uma boa opção, já que se trata de um segmento altamente saturado em todo o Brasil.

Por fim, é interessante buscar equilíbrio e inovação.

Para isso, oferecer diferentes opções ao longo da semana pode ser uma saída para variar o cardápio e compensar dias de menor movimento.

Outro aspecto competitivo importante é apostar em um prato como carro-chefe do carrinho, o que ajuda a criar uma marca forte e uma identificação junto ao público.

Equipamentos

Food trucks nada mais são do que cozinhas sobre rodas.

Desse modo, mesmo tendo dimensões reduzidas quando comparado a um restaurante ou uma lanchonete, eles devem possuir, basicamente, os mesmos equipamentos que uma cozinha profissional tem.

Dentre os itens que não podem faltar, destacamos:

  • Coifa

  • Balcão de trabalho

  • Armários e prateleiras

  • Pia

  • Fogão, forno e micro-ondas

  • Geladeira e freezer

  • Utensílios para preparo

  • Instalação elétrica e para gás

É importante destacar que, por questões de higiene e para estar em conformidade com as normas da Anvisa, é proibida a utilização de materiais porosos e que possam acumular sujeiras e microrganismos, como é o caso da madeira, por exemplo.

Sendo assim, o mais recomendado é que os equipamentos do food truck sejam feitos de aço inox.

No entanto, como se pode imaginar, contar com todos esses itens em um espaço tão reduzido não é tarefa das mais fáceis e exige um bom planejamento.

Nesse caso, uma boa saída é investir em produtos de aço inox sob medida, aliando a qualidade e a resistência desse material com um projeto personalizado e que otimize o espaço dentro do food truck.

Além de uma linha completa de produtos para cozinhas profissionais, a Loja Brazil também oferece diversos produtos sob medida para atender a todos seus clientes.

Ficou interessado?

Então faça um orçamento gratuito com a gente e monte o seu food truck de acordo com as suas necessidades.